in

Bruno Guimarães de saída: Athletico tem proposta de 90 milhões

Bruno Guimarães está sendo um dos nomes mais falados para deixar o Brasileirão, neste mês de janeiro. O meia brasileiro, de 22 anos de idade, teria vários clubes interessados em seu passe, especialmente da Europa. De acordo com o jornal Gazeta do Povo, Athletico Paranaense deve aceitar a proposta do Benfica, que seria de 90 milhões de reais.

Publicidade

Benfica quer levar Bruno Guimarães

O time português continua muito forte neste mercado. Depois de Julian Weigl, o talentoso médio alemão que o Benfica foi buscar no Borussia de Dortmund, por 20 milhões de euros, eles têm uma nova prioridade, para fechar ainda neste mês de janeiro. E será novamente uma contratação milionária.

No início da temporada, Raúl De Tomás custou 20 milhões de euros para o Benfica, o mesmo valor que eles pagaram agora por Weigl e que custaria Bruno Guimarães, se o Athletico aceitar mesmo essa proposta. De acordo com a mídia inglesa, o jogador brasileiro teria também pretendentes na Premier League. 

Publicidade

O meia, de 22 anos de idade, foi escolhido o melhor do ano, no Brasileirão, na sua posição, mas parece que faz tempo que o treinador do Benfica estava olhando para ele.  “Há seis meses, eu indiquei o nome de um jogador, não conseguimos lá chegar por diversas razões e, no final do ano, foi mais uma vez eleito o melhor jogador atuando na posição e no país em que ele atua”, falou Bruno Lage, durante coletiva de imprensa.

Publicidade

Oferta de 90 milhões de reais por Bruno Guimarães

O treinador não revelou o nome de Bruno Guimarães, mas os fãs não têm dúvidas que ele estava se referindo ao craque brasileiro, jogador que o Benfica estaria muito interessado em assinar. Então, segundo o ‘Gazeta do Povo’,  o Benfica já teria feito chegar uma proposta de 20 milhões de euros pelo craque do Athletico.

Publicidade

Porém, Bruno Guimarães tem uma multa rescisória de 180 milhões de reais, ou seja, o dobro da proposta que o Benfica está fazendo. Ainda assim, o Athletico poderia aceitar a saída do jogador por metade do preço, mas com algumas condições, nomeadamente ficar entre 20 a 30 porcento dos direitos do meia brasileiro, de 22 anos de idade. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade