in

Grêmio tenta explicar demissão de Diego Tardelli, mas resultado é terrível

O Grêmio demitiu seu camisa 9. O motivo da demissão de Diego Tardelli seria uma economia do clube. Acredita-se que, sem o jogador, o clube possa economizar até R$ 20 milhões por ano. Nem todos os torcedores, no entanto, aceitaram as explicações. Essa não é a única novidade do time. O Grêmio anunciou uma nova comissão técnica para 2020

Publicidade

Motivo da demissão de Diego Tardelli gera críticas de torcedores do Grêmio

Romildo Bolzan Júnior, presidente do Grêmio, participou de uma coletiva de imprensa com jornalistas nesta quinta-feira, 16 de janeiro. Nela, informou que Renato Gaúcho sabia da rescisão de contrato de Diego Tardelli e que teria que reorganizar a equipe para o ano de 2020, conforme o clube consegue jogar.

“O Renato foi informado dos passos. Ele sabia enquanto avançávamos. É isso. Ele teve conhecimento”, disse o presidente do Grêmio, que anunciou ainda a demissão de sete pessoas que faziam parte da comissão técnica.

Publicidade

Sem Diego Tardelli e nova comissão técnica: o que esperar do Grêmio em 2020

Segundo o presidente, a mudança do Grêmio para 2020 ocorre que nem em empresas e o objetivo é, justamente, o mesmo: alcançar resultados. “É um processo de gestão, organização. Estamos sujeitos a avaliação. Nas empresas, duvido que vocês (jornalistas) não sejam avaliados. É normal do processo. O Grêmio também faz“, disse o presidente do Grêmio sobre a demissão de Diego Tardelli. 

Publicidade

Especula-se agora que Diego Tardelli possa voltar para o  Atlético Mineiro. Ainda não há, no entanto, nada oficial ainda sobre o destino de Diego Tardelli

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.