in

São Paulo: venda de Antony por R$ 100 milhões tem boa notícia e ele não vai embora

O atacante Antony é um dos principais jogadores do São Paulo na atualidade e sua presença no clássico contra o Corinthians, no sábado, no Estádio do Morumbi, era muito aguardada. Antony, porém, não ficou nem no banco de reservas.

Publicidade

O São Paulo vendeu o jogador ao Ajax, da Holanda, por 22 milhões de euros (equivalente a cerca de R$ 103 milhões). A quantia é muito importante para o momento do Tricolor. A equipe tem dívidas e precisa sanar até pagamentos de salário que estão em atraso.

Sem Antony, o São Paulo empatou sem gols com o Corinthians e reclamou da arbitragem ao fim da partida. Este foi o segundo clássico do ano e o segundo que termina empatado sem gols -falta apenas o jogo contra o Santos.

Publicidade

Antony foi vendido, mas não vai embora

Antony foi vendido ao Ajax, mas não vai embora agora. O jogador ficou fora do clássico por uma questão de prudência da diretoria. Nos próximos dias, ele viaja para a Holanda para fazer exames médicos. Caso seja aprovado, será criado um seguro.

Publicidade

Antony voltará ao São Paulo e irá defender a equipe até junho. Neste cenário, o atacante estaria disponível na primeira fase da Copa Libertadores da América. Ele se apresentaria ao time holandês para iniciar a temporada europeia, no meio do ano.

Publicidade

Atacante será venda uma das vendas mais altas da história do São Paulo

A venda de Antony para o Ajax pode atingir até 29 milhões de euros. Esta será a terceira venda mais alta da história do São Paulo. A maior delas segue sendo a de Lucas para o Paris Saint-Germain por 43 milhões de euros, em 2012. Em 1997, Denilson foi vendido para o Bétis por 35 milhões de euros.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!