in

Deyverson apronta na Espanha e quase se dá mal com a polícia

O atacante Deyverson deixou o Palmeiras no começo do ano e está defendendo o Getafe, da Espanha. O país europeu está sofrendo com os casos de coronavírus. A Espanha já é o segundo mais atingido na Europa, atrás apenas da Itália, e a população está com medo.

Publicidade

O período de quarentena no país está bem rígido porque as mortes aumentaram nos últimos dias. Um ex-presidente do Real Madrid foi contaminado com o coronavírus e faleceu. Ele tinha mais de 60 anos e estava no grupo de risco da doença.

Deyverson é parado pela polícia

Deyverson está em casa junto com a esposa. Hiperativo, o atacante tem sofrido neste momento de quarentena. Nesta terça, ele informou que quase foi multado em pouco mais de R$ 3 mil pela polícia espanhola ao sair de casa acompanhado da mulher. O jogador explicou a situação.

Publicidade

“A gente saiu e foi ao mercado, a Polícia parou a gente e quase levamos multa de 600 euros (R$ 3,2 mil). Não pode sair de casal, tem que sair uma pessoa por vez. Aqui eles estão bastante rígidos, a galera não sai de casa por nada. Aqui já está um pouco mais avançado, estamos preocupados”, comentou o ex-jogador do Palmeiras.

Publicidade

Deyverson sofre em casa

Em campo, o atacante já é hiperativo. Fora dele, a situação fica ainda pior. Ele afirmou que se manter em casa bem difícil, mas tem feito atividades para não ficar parado. Deyverson contou que tem abdominais.

Publicidade

O atacante tem ido bem no Getafe e deve ser contratado em definitivo pela equipe espanhola no meio do ano. Até lá, não se sabe se o futebol já terá voltado e como estará a situação causada pelo novo coronavírus.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!