in

Ronaldinho fora da cadeia em 15 dias? Advogado dá boa notícia em meio ao caos

Ronaldinho e seu irmão, Roberto Assis, seguem presos na Agrupação Especializada de Assunção, no Paraguai. Os dois estão presos desde o dia 6 de março, após serem interpelados por portarem cédulas de identidade e passaportes falsos. O ex-jogador viajou para o Paraguai para participar de um evento e acabou atrás das grades.

Publicidade

Advogado de Ronaldinho tem esperança em libertação

O jornal O Estado de Minas conversou com o advogado de Ronaldinho e de Assis, Sérgio Queiroz. A esperança do advogado é que os dois irmãos saiam da prisão no prazo de até 15 dias. A reportagem foi publicada na segunda-feira (23).

A defesa de Ronaldinho já tentou recursos para encaminhá-lo, ao lado de Assis, para a prisão domiciliar. Até o momento, isso não foi possível. A Justiça do Paraguai negou os pedidos que foram feitos até o momento.
Em um deles, alegou que a casa onde Ronaldinho ficaria não condizia com a fortuna do ex-jogador.

Publicidade

O medo do judiciário paraguaio é que Ronaldinho e Assis fujam para o Brasil. Como o país não extradita seus cidadãos, ficaria inviabilizada a prisão dos dois, caso a investigação avance e aponte crime além das cédulas de identidade e passaportes falsos.

Publicidade

O craque na cadeia

Ronaldinho é um dos principais jogadores do futebol mundial neste século. O ex-astro da bola brilhou no Grêmio, PSG, Barcelona, Milan e Atlético-MG. Em 2002, foi campeão da Copa do Mundo pela seleção brasileira. Em 2006, venceu a Champions League pelo Barça. Em 2013, conquistou a Copa Libertadores da América pelo Galo.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!