in

Brasileiro deve receber R$ 54 milhões para enfrentar Mike Tyson em luta histórica

O ex-lutador de MMA, Wanderlei Silva, pode ser o primeiro adversário de Mike Tyson no retorno da lenda do boxe aos ringues. Em entrevista ao Combate, Silva afirmou que recebeu uma oferta para enfrentar Tyson, em uma luta do evento Bare Kuncle Fighting Championship. Ainda não há data prevista para o confronto acontecer.

Publicidade

Wanderlei Silva, de 43 anos, está aposentado desde agosto de 2018. Lenda do Boxe, Tyson tem 53 anos e não luta desde 2005. Os treinos do lutador têm chamado a atenção de muita gente nas redes sociais. Veterano, Tyson mostra forma incrível e parece não ter perdido a velocidade de seus socos poderosos.

Wanderlei Silva receberia R$ 54 milhões pela luta

Aposentado desde 2018, Silva afirmou que pediu 10 milhões de dólares para enfrentar Tyson. “Parece que ofereceram 20 (milhões de dólares ou R$ 108,8 milhões na cotação atual) para o cara, então pedi a metade. Disseram, ‘Por 10 (milhões) você faz?’ Poxa, 10 e uma pequena porcentagem do pay per view, né… Isso aí“, afirmou Wand.

Publicidade

No Bare Knuckle, os lutadores não usam luvas nem badagens nas juntas dos dedos. No combate, são permitidos domínio na nuca e clinches. O ringue também é diferente do boxe tradicional: ele é circular e não quadrado.

Publicidade

Publicidade

Tyson fez história no boxe

Mike Tyson escreveu seu nome no boxe. Entre 1986 e 1990, ele foi campeão mundial dos pesos-pesados da Confederação Mundial de Boxe (CMB), feito que viria a repetir entre 1996 e 1997. Entre 1987 e 1990 foi campeão na Associação Mundial de Boxe (AMB) e repetiu o feito em 1996. Entre 1987 e 1990, Tyson foi campeão pela Federação Internacional de Boxe (FIB).

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!