in

Corinthians: detalhes da demissão de treinador vem à tona e constrangimento fica claro

O Corinthians nunca foi um clube fácil e todos os treinadores que passam pelo Timão, mesmo que tenham grande história anterior, precisam mostrar serviço. O site Meu Timão contou detalhes da demissão do ex-treinador Oswaldo de Oliveira, que foi demitido em 2016, depois de nove partidas, com duas vitórias, três derrotas e quatro empates.

Publicidade

Oswaldo de Oliveira era auxiliar de Vanderlei Luxemburgo no Corinthians e assumiu o comando da equipe. Oswaldo foi campeão paulista e brasileiro, em 1999, e mundial, no começo do ano 2000. Poucos meses depois, acabou eliminado no Campeonato Paulista, pelo São Paulo, e na Libertadores, pelo Palmeiras. Acabou demitido.

Detalhes da demissão de Oswaldo em 2016 são reveladas

Ex-diretor do Corinthians, Flávio Adauto participou de live do site Meu Timão e contou detalhes da demissão de Oswaldo. Segundo ele, foi a situação mais constrangedora que viveu no Corinthians. Tudo aconteceu durante reunião em uma churrascaria de São Paulo. Além de Adauto e Oswaldo, participaram o presidente do Corinthians e o dirigente e ex-jogador Alessandro.

Publicidade

Naquele momento, o Corinthians já não tinha mais chance de ir à Libertadores do ano seguinte. Adauto contou que antes de começarem a conversar, Oswaldo viu uma foto em seu celular que fez o seu semblante mudar completamente.

Publicidade

“Ele estava com o celular na mão e uma foto de nós quatro no restaurante estava no celular dele e no meu também. A pergunta era a seguinta: ‘já caiu?’“, contou o ex-diretor, que classificou a situação como triste. Oswaldo acabou demitido naquele dia, mas a foto fez todos ficarem em silêncio e o almoço foi encerrado.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!