in

Joia do São Paulo entra na Justiça contra o clube e que ir para a Europa de graça

O futebol brasileiro vive um momento complicado devido a pandemia do novo coronavírus. Clubes grandes, como o São Paulo, acumulam prejuízos por causa da suspensão das competições. O Tricolor tem perdido dinheiro com cotas de TV não pagas e bilheterias.

Publicidade

Agora, o São Paulo enfrenta um problema interno. O zagueiro Lucas Fasson é uma das grandes joias made in Cotia – Cotia é a cidade da Grande São Paulo onde está localizado o centro de treinamento das categorias de base do clube, o Centro de Formação de Atletas (CFA) Laudo Natel.

Grande promessa da base, Fasson quer ir jogar na Europa e acionou o São Paulo na Justiça para que seja liberado para defender o Barcelona B. O Tricolor, obviamente, não aceitou e não quer perder o zagueiro, avaliado em 40 milhões de euros (cerca de R$ 240 milhões na cotação atual) de graça.

Publicidade

De acordo com o Globo Esporte, o Barcelona tem interesse em contratar o zagueiro da base tricolor. Por este motivo, seu staff entrou com ação na Justiça pedindo a rescisão unilateral do contrato, via Confederação Brasileira de Futebol (CBF).  O São Paulo já afirmou que só libera o jogador se a multa for paga.

Publicidade

A alegação de Fassom na notificação enviada ao São Paulo é que seu contrato atual foi assinado antes de ele completar 18 anos e tem duração de quatro temporadas. A CBF considera até cinco temporadas de contrato como normal. O regulamento da entidade define que em casos submetidos à Fifa serão considerados três anos de contrato. A diretoria do Tricolor não vê a Fifa como responsável pela análise do caso.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!