in

Luto no futebol brasileiro: técnico Marcelo Veiga morre vítima de complicações da Covid-19

Figura bastante conhecida no futebol nacional seja por sua carreira dentro das quatro linhas ou como técnico, Marcelo Veiga morreu na tarde desta segunda-feira (14). O treinador, que atualmente comanda a equipe do São Bernardo, não resistiu às complicações da Covid-19, e faleceu aos 56 anos. 

Publicidade

Veiga estava internado desde o dia 21 de novembro, quando, ao testar positivo, teve um agravamento nos sintomas. O experiente treinador estava internado na Santa Casa de Bragança Paulista.

Herói no Bragantino

Lenda no Bragantino, Marcelo Veiga acumulou passagens de destaque pelo Massa Bruta, sempre conquistando feitos importantes. Ao todo, o treinador dirigiu o time do interior paulista em sete oportunidades, computando mais de 500 jogos. Além do Bragantino, recentemente, Veiga passou pelo Ferroviário, do Ceará, Portuguesa, e Mogi Mirim.

Publicidade

Antes de ser internado com quadro positivo para a Covid-19, Veiga dirigia o São Bernardo na disputa da Copa Paulista. O treinador estava no comando da equipe do ABC desde o final do ano passado. 

Publicidade

Como jogador, Marcelo Veiga passou por Santos, Internacional, Portuguesa, Goiás, Bahia, entre outros.

Publicidade

Repercussão

Nas redes sociais, clubes, jogadores, jornalistas e fãs do trabalho de Marcelo Veiga lamentaram o falecimento precoce do exímio treinador, e prestaram solidariedade aos familiares dele. 

“O Red Bull Bragantino lamenta profundamente a morte do técnico Marcelo Veiga, treinador que mais vezes comandou a equipe – com 516 jogos – nesta segunda-feira (14). Neste momento de luto e tristeza, o clube se solidariza aos familiares e amigos do treinador”, publicou o Red Bull Bragantino em suas redes sociais. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade