in

Após pedidos da torcida, Roberto de Andrade ‘bate o pé’ e define situação com Germán Cano

O Corinthians buscará reforços para o setor ofensivo neste ano. No entanto, o clube busca se concentrar somente na disputa do Campeonato Brasileiro, com a intenção de se classificar para a Copa Libertadores da América.

Publicidade

Ao que tudo indica, o Timão começará a realizar novas contratações a partir de fevereiro, após a disputa do Brasileirão. No entanto, a diretoria não quer perder tempo e já almeja alguns nomes que agradam ao técnico Vagner Mancini.

Recentemente, que começou a ser cogitado pela torcida alvinegra foi o atacante Germán Cano. O atacante está no Vasco e seu bom momento vem chamando atenção de diversos clubes do futebol brasileiro.

Publicidade

Por ser um dos maiores clubes do Brasil e tentando modificar seu elenco para a temporada de 2021, o Corinthians viu o nome de Cano ganhar ainda mais força para atuar na equipe. No entanto, Roberto de Andrade tratou de negar essa possibilidade.

Publicidade

De acordo com as informações apuradas pelo jornalista Jorge Nicola, a diretoria não planeja contar com Germán Cano em seu elenco neste ano. Roberto de Andrade ainda revelou que o nome do atleta nunca foi citado em sua mesa.

Publicidade

Nicola ainda informa que o atacante argentino chegou a ser oferecido ao Corinthians antes de acertar com o Vasco. Na ocasião, a antiga diretoria não quis negociar com o atleta, devido à falta estatura para atuar como atacante.

Germán Cano vem sendo peça fundamental na equipe do Vasco nesta temporada, que briga para permanecer na Séria A do Brasileirão. Lembrando que o clube acertou com Vanderlei Luxemburgo recentemente para comandar a equipe nesta reta final da competição nacional.

O Corinthians quer reforçar seu setor ofensivo, mas não será com a contratação de Germán Cano. Desta forma, a procura por um nome de peso e que caiba na realidade financeira do clube continuará pelas próximas semanas.

Vale destacar que a diretoria do Timão ainda terá que resolver outros problemas neste ano. As renovações contratuais estão entre esses problemas. No momento, os nomes que se enquadram nisso são dos meias Otero e Cazares.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Vinicius Araújo

Redator i7 Network - Notícias do mundo do futebol.