in

Mancini pede e Corinthians analisa contratação do atacante Gilberto para disputar posição com Jô

O Corinthians está confiante na conquista de uma vaga para a disputa da próxima Copa Libertadores da América. No momento, o clube se encontra na oitava colocação do Campeonato Brasileiro, somando 45 pontos ganhos.

Publicidade

A esperança do Timão por uma vaga na Libertadores aumentou após uma grande partida contra o Sport, na última quinta-feira (21). A equipe de Mancini venceu o adversário pelo placar de 3 a 0 e reconquistou a confiança da torcida.

O próximo jogo do Corinthians no Brasileirão será na segunda-feira (25), contra o Red Bull Bragantino. Se vencer, o Timão ficará ainda mais próximo na zona de classificação para a Libertadores, que é o maior objetivo da equipe.

Publicidade

Caso se classifique, o clube do Parque São Jorge precisará de novos reforços para fortalecer ainda mais o elenco. Desta forma, a diretoria já analisa alguns nomes e vê o atacante Gilberto, do Bahia, como opção para reforçar o ataque.

Publicidade

De acordo com o jornalista Raul Moura, do TNT Sports, o nome de Gilberto agrada muito ao técnico Vagner Mancini e sua contratação pode acontecer neste ano. No entanto, a diretoria do Bahia pede cerca de 4 milhões de euros para negociá-lo.

Publicidade

A estimativa de que o Bahia peça esse valor surge após um interesse do Grêmio em contratá-lo na temporada passada. Na ocasião, o presidente Guilherme Bellintani aceitaria vender o atacante por 4 milhões de euros (R$ 26,6 milhões).

Dificilmente o Corinthians investirá esse valor para contratar Gilberto, pois o atleta já tem 31 anos e o clube paulista não planeja realizar grandes investimentos neste ano, principalmente pelo fato de estar com dificuldades financeiras.

Se realmente Mancini pedir a contratação do atacante, a diretoria corinthiana certamente irá negociar com o Bahia pela transferência de Gilberto. Seus salários não impedirão a negociação, pois ele não recebe um valor muito elevado.

Atualmente, o Corinthians conta somente com Jô como centroavante de ofício, já que Matheus Davó parece ter perdido a confiança de Mancini. Com isso, a intenção é trazer um nome de peso para disputar posição com Jô.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Vinicius Araújo

Redator i7 Network - Notícias do mundo do futebol.