in

Bolsonaro na Libertadores? Conmebol se pronuncia sobre possibilidade de político entrar no gramado do Maracanã

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) está fechando os últimos preparativos para a grande final da Copa Libertadores da América, no Maracanã, entre Santos e Palmeiras, que será realizada no próximo dia 30.

Publicidade

Apesar de não ser permitido a entrada de torcedores, a final terá alguns convidados especiais, entre eles, o presidente da república, Jair Bolsonaro, que foi convidado para acompanhar a decisão no Rio.

Bolsonaro ainda não se pronunciou sobre sua ida ao Maracanã

De acordo com informações do site Uol Esportes, o presidente da república ainda não confirmou a sua ida ao Maracanã, no próximo dia 30. O entrave seria o cumprimento do protocolo da Conmebol, que obriga os convidados a manter o isolamento social e também o uso de máscaras, algo que Bolsonaro descarta, pois diz que já foi contaminado com a Covid-19.

Publicidade

Além disso, será preciso apresentar um teste negativo de Covid-19 para entrar no estádio. Todas as pessoas que estiverem no Maracanã, terão que se submeter ao teste. Outro problema, é que o governador de São Paulo, João Doria (PSDB) também foi convidado para o evento, já que sempre se declarou santista, na atualidade, os dois travam um embate político ferrenho na imprensa sobre a aquisição da vacina CoronaVac.

Publicidade

Conmebol proibiu Bolsonaro ou qualquer outro político que estiver no Maracanã de entrar no gramado

Acostumado a entrar no gramado e de comemorar títulos com os jogadores, assim como ocorreu na final do Campeonato Brasileiro de 2018, quando comemorou o título da competição junto aos jogadores do Palmeiras, Bolsonaro não terá esse privilégio, caso o Verdão conquiste a competição, pois é terminantemente proibido qualquer pessoa que não seja da delegação de Santos ou Palmeiras entrar no gramado no momento da comemoração.

Publicidade

De acordo com informação do blog de Danilo Lavieri, grupos de torcedores do Palmeiras enviaram a Conmebol uma carta em que solicitam a proibição de Bolsonaro entrar no gramado, para fazer o que eles chamaram de ‘ação populista’.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Rodrigo Monteiro

Um dos primeiros redatores da melhor plataforma de jornalismo independente da internet, a I7 network, já trabalhou em outras plataformas, sempre escrevendo notícias em primeira mão para quem gosta de viver bem informado.
Os principais assuntos do mundo esportivo, do mundo dos famosos e da política estão aqui, com textos leves e interessantes, Rodrigo Monteiro faz parte do grupo de colunistas do Radar Esportes, TV Prime, 1News e I7 News quatro portais de notícias mais populares da internet.