in

Detalhes apontam acerto do atacante Nikão com o Corinthians

O Corinthians está focado na disputa do Campeonato Brasileiro, com a intenção de se classificar para a Libertadores. No entanto, a equipe comandada por Vagner Mancini vem de um momento instável na competição nacional.

Publicidade

Mesmo com a disputa do Brasileirão em andamento, a diretoria trabalha internamente analisando as possibilidades de negócio no mercado da bola. Recentemente, quem começou a ser especulado no clube do Parque São Jorge foi o atacante Nikão.

O Timão não quer fazer gastos elevados para trazer novos jogadores ao elenco, mas será necessário fazer isso caso consiga se classificar para a Libertadores. É exatamente o setor ofensivo que mais precisa de reforços.

Publicidade

De acordo com o jornalista Alê Praetzel, o atacante Nikão foi oferecido ao Corinthians através de intermediários. Desta forma, resta apenas a diretoria aceitar a chegada do atleta e negociar com a diretoria do Athletico-PR.

Publicidade

O que anima ao clube do Parque São Jorge é que o contrato do jogador com a equipe paranaense termina ao final deste ano. Sendo assim, o camisa 11 fica livre para assinar um pré-contrato com outra equipe a partir de julho.

Publicidade

Após muitos anos com a camisa do Furacão, Nikão tem muito respeito ao clube, mas não descarta a possibilidade de mudar de ares. Caso seja essa a vontade do atleta, a diretoria do Athletico não vai se opor.

Mesmo sem a intenção de contrariar a decisão que o jogador chegue a tomar, o presidente Mario Celso Petraglia deve pedir cerca de 2,5 milhões de euros para aceitar negociá-lo. Esse valor equivale a mais de R$ 16 milhões na cotação atual.

O atacante atleticano desperta interesse do Corinthians desde a temporada passada, mas a diretoria não conseguiu chegar a um acordo financeiro com o Furacão. Na oportunidade, o Grêmio foi outro clube interessado no futebol do atleta.

Corinthians e Athletico-PR demostram uma boa relação. Isso pode ajudar numa possível transferência de Nikão. Ele chegaria para reforçar o setor de ataque do técnico Vagner Mancini, que vem encontrando dificuldades com o atual elenco.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Vinicius Araújo

Redator i7 Network - Notícias do mundo do futebol.