in

Rojas pede o dobro de salário para ficar no São Paulo e diretoria toma atitude

Rubens Chirri / Divulgação São Paulo

Joao Rojas voltou a jogar em março deste ano, após mais de dois afastado do futebol devido às lesões. O jogador era um dos principais nomes do São Paulo no Campeonato Brasileiro de 2018, mas se machucou. A partir de sua saída, a equipe caiu de produção e terminou o Brasileirão sem o título.

Publicidade

Rojas é reserva no time de Crespo, mas tem ganhado oportunidades importantes e mostrou bom futebol quando foi acionado. O contrato do jogador vence no próximo dia 30 de maio e as chances de renovação não são muito altas.

De acordo com o UOL Esporte, Rojas pediu o dobro do salário CLT para continuar no Tricolor. Atualmente, o jogador recebe R$ 180 mil e a intenção é dobrar os vencimentos. O problema é que a diretoria do São Paulo está buscando formas de diminuir a folha salarial.

Publicidade

Ainda segundo o UOL, o aumento pedido por Rojas foi considerado elevado. A diretoria, comandada pelo presidente Julio Casares não tem o objetivo de subir consideravalmente o salário de Rojas. A direção procura uma forma de manter o jogador no elenco, mas a situação não parece ser das mais fáceis.

Publicidade

O GE informou que o objetivo do departamento de futebol do São Paulo é reduzir os custos em até 15%. Aumentar salário neste cenário não parece uma hipótese válida. Se não houver acordo, Rojas pode deixar o Tricolor. Nos próximos dias, deve haver novas rodadas de conversas entre as partes para saber se o atacante vai permanecer na equipe comandada por Hernán Crespo ou se vai embora do Tricolor. Não há informações sobre propostas pelo atacante.

Publicidade

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!