in

Romildo Bolzan tenta demover Diego Souza da ideia de aposentadoria no fim do ano

Lucas Uebel / Grêmio

O atacante Diego Souza chegou ao Grêmio no começo do ano passado. Antes do fim do ano, a direção renovou o contrato do atleta por mais uma temporada. Para se ter uma ideia, Thiago Neves, que chegou junto com o centroavante e assinou contrato de um ano, saiu antes do fim do vínculo.

Publicidade

Diego Souza tem ido muito bem como centroavante na equipe e há planos para ele em 2022. Pelo menos é o que garante o presidente do clube, Romildo Bolzan. O único empecilho para isso acontecer é o próprio Diego Souza, que deseja encerrar a carreira no fim do ano, aos 35 anos, para curtir a esposa e os dois filhos.

Em entrevista, Romildo Bolzan rasgou elogios ao centroavante e afirmou que é muito bom vê-lo jogar. Para Romildo, Diego Souza é uma pessoa de boa convivência e uma figura muito agradável. O presidente afirmou que não conversou com o jogador sobre renovação.

Publicidade

“Mas eu duvido que, jogando o que está jogando, fazendo os gols que está fazendo, ele não repense essa posição e não queira seguir”, disse Romildo na entrevista à Rádio Gaúcha. Diego Souza foi contratado a pedido de Renato Portaluppi, que gostava de jogar com um camisa 9 no ataque.

Publicidade

Tiago Nunes, que assumiu o comando do Grêmio após a saída de Renato, também gosta. No Athletico-PR, ele sempre jogou com centroavantes. Pablo foi titular na campanha do título da Copa Sul-Americana, em 2018. No Corinthians, o treinador contava com Jô como centroavante. Agora no Grêmio, Diego Souza é o homem que joga entre os zagueiros adversários em busca de gols.

Publicidade

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!