in

Renato Gaúcho conta que quase foi para o Santos e da detalhes da negociação

Lucas Uebel/Grêmio

Na última segunda-feira, 10, o técnico Renato Gaúcho concedeu uma entrevista ao programa Bem, Amigos!, do SporTV, e falou sobre as propostas de trabalho que recebeu recentemente.

Publicidade

De acordo com Gaúcho, ele recebeu convites do exterior e, antes de renovar como Grêmio, em março, recebeu convite do Atlético-MG. E não é só isso, Renato Gaúcho ainda relata um convite recente para trabalhar no Santos.

Ao falar sobre as propostas que recebeu de Dubai e Cingapura, o técnico relatou que se tratavam de valores altíssimos. Além disso, Gaúcho ainda diz que na semana passada recebeu uma proposta do Santos. Vale lembrar que Renato Gaúcho deixou o Grêmio no dia 15 de abril, isso após a eliminação do clube na fase prévia da Libertadores.

Publicidade

Durante o bate-papo, Gaúcho fez questão de detalhar as negociações com o Santos. De acordo com o técnico, Andres Rueda, presidente do Peixe, desejava esperar que ele descansasse, para que assim, o Santos pudesse contar com Renato Gaúcho no início do Brasileirão. No entanto, ainda na segunda-feira, 10, o Peixe anunciou ter fechado com Fernando Diniz.

Publicidade

Gaúcho relatou ter tido “conversas muito boas” com Andres e, inclusive, chegou a afirmar que o presidente do Santos “tem ideias maravilhosas”. Contudo, mesmo assim ele relata ter dito a Rueda que no momento ele “queria descansar um pouco” e usar esse tempo para ficar mais com a família e amigos. Além disso, o técnico ainda disse que não iria adiantar nada se ele saísse do Grêmio e pegasse outro trabalho logo em seguida, isso ressaltando que “precisava de descanso”.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade