in

Daniel Alves se declara ao São Paulo após título; Fifa se rende ao ‘imã humano de troféus’

Reprodução: Twitter Fifa

Daniel Alves é um “imã humano de troféus”. Foi essa frase que a Fifa fez uma homenagem ao jogador nas redes sociais. Aos 38 anos, o lateral-direito chegou ao 41º título na carreira. Daniel Alves é o jogador com mais títulos na história do futebol.

Publicidade

Com a conquista no São Paulo, o jogador torna-se campeão por onde passou. Desde o começo da carreira, no Bahia, no começo dos anos 2000. Daniel Alves construiu uma carreira de sucesso na Europa, com títulos por Sevilla, Barcelona, Juventus e Paris Saint-Germain.

Pelo Bahia, o jogador conquistou um título. No Sevilla, da Espanha, foram cinco. No Barcelona, Daniel Alves colecionou 23 taças. Na Juventus foram mais duas. Por fim, cinco com o PSG. Além disso, o lateral também foi campeão pela seleção brasileira em quatro oportunidades.

Publicidade

Em entrevista para a TV Globo após a partida, Daniel Alves contou que se tornou jogador por causa do São Paulo. O lateral-direito que não atuou na final contra o Palmeiras, por estar lesionado, comemorou a vitória por 2 a 0 no gramado ao lado dos outros atletas e recebeu troféu e medalha.

Publicidade

Daniel Alves disse que está vivendo um sonho. “É diferente pelo simples fato de que é com o time do coração. Quando é com o time do coração entram outras coisas além do trabalho e da dedicação”, disse o jogador. 

Publicidade

Daniel Alves tem sido um dos principais jogadores do time do São Paulo e subiu de produção ao sair do meio-campo para a lateral-direita sob o comando de Hernán Crespo. O jogador segue vestindo a camisa número 10 do Tricolor.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!