in

Jogadores do Inter podem ser demitidos por discriminação

Show de camisas

Atitudes preconceituosas podem tornar a relação profissional, insuportável, no ambiente de trabalho. Pensando em diminuir episódios de discriminação e preconceito, o Internacional, de Porto Alegre, decidiu agir e criou uma cláusula no contrato de atletas e trabalhadores em que se torna passível de demissão qualquer atitude de preconceito.

Publicidade

Inter mudou o contrato dos trabalhadores

Isso inclui, discriminação racial, religiosa, sexual e social. Essa cláusula antidiscriminação pretende extinguir de dentro do clube qualquer atitude de desrespeito contra as pessoas em geral.

A cláusula foi inserida no contrato de todos os atletas do futebol feminino, masculino e em 500 contratos de funcionários do clube, então, mesmo que o atleta ou trabalhador já faça parte da empresa, deverá aceitar e assinar o contrato concordando com uma possível demissão, inclusive por justa causa, se partir dele(a) alguma atitude racista e preconceituosa. 

Publicidade

Atos de discriminação são passíveis de demissão por justa causa

A nova regra começou a valer em abril de 2021 e o contrato agora propõe que o funcionário se comprometa a cumprir as normas de ética que o clube estabeleceu, dando ênfase ao repúdio às práticas de atos de discriminação e preconceito sobre cor, gênero, religião, classe social, capacidades ou limitações individuais, sendo assim, essa infração dará abertura para a aplicação de punição, conforme a gravidade do ocorrido.

Publicidade

O clube também ressalta que as denúncias sobre esse tema serão avaliadas e, se comprovadas, caberá a aplicação gradual da punição segundo a gravidade, podendo começar em uma simples advertência até a demissão por justa causa.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Tatiane Braz

Estudante, escritora e apaixonada pela verdade, tenho como meta levar a notícia de forma clara e real. Amo ler e percebo a cada dia que um mundo melhor se faz quando o conhecimento que adquirimos é colocado em prática.