in

Crespo traz revelações sobre teor da conversa com Tite em treino da seleção: ‘Me disse isso com angústia’

Seleção Brasileira utilizou as dependências de treinamento do São Paulo recentemente.

Rubens Chiri - Divulgação - São Paulo

Comandante do São Futebol Clube, o técnico argentino Hernán Crespo escreveu um artigo no jornal “La Nación” nesta semana onde trouxe o teor da conversa que teve há alguns dias com Tite, em um treino da Seleção Brasileira nas dependências do Tricolor do Morumbi.

Publicidade

Os dois abordaram o fato da Copa América 2021 ser disputada em solo brasileiro, algo que segundo Crespo, pegou todos de surpresa pelo cenário vivenciado no país em função da Covid-19. 

Na ocasião, Tite deixou bem claro o seu descontentamento de disputar o torneio de seleções mais antigo do futebol no Brasil. 

Publicidade

“Não fazia parte de seus planos, nem de seus jogadores. Não estiveram nem estão de acordo com a decisão, mas me ofereceu uma explicação muito sensível. E ele me disse isso com pesar, com genuína angústia”, disse Crespo em seu artigo, destacando ainda que, apesar desta situação, Tite reforçou o compromisso de “honrar” com a camisa da Seleção Brasileira. 

Publicidade

Desdobramentos polêmicos 

Inicialmente, a Copa América estava prevista para ser disputada com duas sedes: Colômbia e Argentina. O governo colombiano foi o primeiro a declinar de receber o evento, após fortes protestos da população. 

Publicidade

Cerca de 11 dias depois, a Argentina, em função do cenário delicado da pandemia do coronavírus, também anunciou a sua desistência. Em questões de horas após o anúncio, a Conmebol agiu rápido e oficializou o Brasil como palco da disputa, fato que gerou uma grande revolta. O acordo foi alinhado em conversas da entidade que rege o futebol sul-americano com a CBF e o governo de Jair Bolsonaro. 

A segunda rodada da Copa América ocorre nesta quinta-feira (17), iniciando com o duelo entre Brasil x Peru, no Nilton Santos, no Rio de Janeiro. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade