in

Após 16 temporadas, craque espanhol se despede do Real Madrid

Craque espanhol, capitão do Real Madrid, se despede da equipe após 16 temporadas

Reprodução/Instagram oficial do Sergio Ramos

Chega ao fim uma das histórias mais vitoriosas do futebol na atualidade: o jogador Sergio Ramos não será mais jogador do Real Madrid após 16 temporadas no clube. O clube espanhol anunciou que as partes não chegaram a um acordo para renovar o contrato do atleta. Será realizado uma ato de homenagem e uma despedida para Sergio Ramos e contará com a presença do presidente Florentino Perez. Após a cerimônia, o jogador concederá entrevista.

Publicidade

O jogador de 35 anos, capitão da equipe espanhola, se despede depois de uma longa negociação que divergia de tempo de contrato e valores financeiros, tendo ainda por partir da diretoria um exigência irredutível para assinar apenas uma no de contrato.

História no Real Madrid

Sérgio Ramos se transferiu para o Real Madrid em 2005, vindo do seu antigo clube Sevilla. Apesar de se estabelecer como zagueiro no Real Madrid, o jogador chegou ao clube como lateral direito e virou astro do clube, se tornando capitão e um símbolo de força da equipe.

Publicidade

Na temporada de 2013-2014, teve o seu principal momento histórico no clube, marcando o gol de empate do Real Madrid diante do seu rival Atlético de Madrid na Champions League e levando o jogo para prorrogação. Com empate no tempo normal, o jogo se arrostou para prorrogação, e a equipe do Real Madrid saiu vencedora por 4 a 1 e ficou com título do Campeonato. Ramos ainda conseguiu levar mais 3 taças da Champions League de forma consecutiva, 2016 a 2018.

Publicidade

Ramos possui retrospecto invejável na equipe espanhola: foram 671 Jogos, com 101 gols marcados e 40 assistências. Conquistou inúmeros títulos, entre eles estão 5 La Liga, 4 Champions League, 4 Supercopa da Espanha, 4 Mundial de Clubes, 3 Supercopa da Uefa e 2 Copas do Rei.

Publicidade

Possibilidade de volta ao Sevilla

A imprensa europeia vinha especulando a dias,  e vários grandes times da Europa poderiam ser os destinos para Ramos, que incluía Manchester United ou PSG. Mas nos últimos dias, o clube que o revelou (Sevilla), apareceu com tudo como potencial candidato à contratação. 

O diretor da equipe do Sevilla, Ramón “Monchi” até tentou despistar, mas as expectativas de ter Sérgio Ramos na equipe só aumentam e as especulações crescem.

Publicidade
Publicidade
Publicidade