in

Grêmio fecha contrato com atacante e valor da multa rescisória impacta; Tricolor venceu páreo com Fla e Galo

Jogador já tinha situação alinhavada com o Imortal e aguardava apenas ser oficializado.

Lucas Uebel - Divulgação - Grêmio

Nos últimos anos, o Grêmio tem se notabilizado por ter um expressivo lucro na revelação de jogadores para o futebol nacional e internacional, colecionando êxitos no surgimento de talentos que despontam para o Velho Continente. 

Publicidade

Focado em continuar colhendo bons frutos neste trabalho, a diretoria do Imortal acertou nesta semana com o atacante Erick Monteiro, de 17 anos. O jogador fechou vínculo com o clube sulista até janeiro de 2023. Para se proteger de possíveis interesses de outros clubes, o Grêmio fixou o valor da multa rescisória para liberar o atleta na casa dos 30 milhões de euros (R$ 179,8 milhões na cotação atual).

A transação envolvendo a diretoria do Tricolor dos Pampas e representantes do jogador já estava alinhavada, como o ge revelou anteriormente. Erick despertava interesse de clubes como Flamengo e Atlético-MG, mas o Grêmio foi mais eficaz, e fechou com a joia.

Publicidade

O Imortal adquiriu 80% dos direitos federativos do jogador, 10% continuaram com o atleta, e os outros 10% ficam para o Desportivo Brasil, clube formador do atacante. 

Publicidade

Planejamento

O jogador de 17 anos estava livre no mercado após encerrar o vínculo com o Desportivo Brasil. Em um primeiro momento, Erick passará a integrar a categoria sub-17 do Imortal. Como a situação já estava encaminhada para um ‘final feliz’, o atacante já estava nas dependências do CT Hélio Dourado há duas semanas. 

Publicidade

Natural de Porto Feliz, no interior de São Paulo, Erick tem 1,86 m de altura, e vinha atuando no sub-17 do Desportivo Brasil. O jogador é conhecido por ser um centroavante de mobilidade e de boa finalização. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade