in

Dois jogadores podem ser demitidos do Corinthians nas próximas horas; um deles é acusado de racismo

Entrevista coletiva pode anunciar nas próximas horas a demissão de jogadores no Corinthians e torcedores ficam na expectativa

Rodrigo Coca/Divulgação Instagram Oficial do Corinthians

O Corinthians vive momento bastante conturbado nos bastidores e o presidente Duílio Monteiros Alves vem sendo pressionado constantemente pelos torcedores. Os resultados sob comando do técnico Sylvinho também não foram positivos e pioraram a situação.

Publicidade

Sylvinho trabalhou mais recentemente no Lyon, da França, mas não tinha ainda grandes resultados como treinador. Sua chegada ao Corinthians foi questionada pela torcida e a dificuldade em conseguir vitórias acabou esquentando os ânimos e complicando a relação entre clube e organizadas.

Caso Avelar

O jogador Danilo Avelar, de 32 anos de idade, vem sendo acusado de ter realizado um comentário racista no jogo online CS:GO, assumiu o erro e dificilmente permanecerá no Corinthians. Uma coletiva nas próximas horas poderá acabar confirmando a saída do atleta, que passou a ser atacado por torcedores nas redes sociais.

Publicidade

“Aguardando a decisão do Corinthians sobre o caso Danilo Avelar: clube deve se pronunciar, jogador não tem clima para continuar depois de assumir o comentário racista. Coletiva do zagueiro João Victor de hoje foi cancelada.”, disse o jornalista Flávio Ortega em seu perfil no Twitter.

Publicidade

Jô de saída?

Outro nome cotado para sair é o atacante , de 34 anos de idade, e que não atingiu bons números em seu retorno ao Corinthians. Apesar de ser um dos ídolos do clube, uma atitude recente do atleta causou revolta nos torcedores. O atleta teria entrado em campo com uma chuteira com detalhes verdes, cor que representa o rival Palmeiras. A saída do atacante é cogitada, no entanto, o desfecho é mais complexo do que o caso Avelar.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade