in

Dirigente de futebol do Grêmio fala sobre possível saída de medalhão da equipe e esclarece situação

Jogador Tricolor foi especulado em outro clube da Série A do Brasileirão e situação agitou bastidores do Imortal.

Lucas Uebel - Divulgação - Grêmio

Atento ao mercado da bola, o Grêmio segue buscando reforços pontuais para seu plantel, principalmente após o início bem abaixo da média na disputa do Campeonato Brasileiro 2021. Sem ter vencido ainda no certame após quatro jogos, o Imortal ocupa a zona de rebaixamento. As mudanças que podem surgir não se resumem apenas às contratações, mas também podem impactar em saída de atletas. 

Publicidade

Nos últimos dias, os rumores da imprensa no sul do país deram conta de que o lateral-esquerdo Bruno Cortez estaria deixando o Imortal para acertar com o Bahia, uma vez que já não está rendendo o esperado, e figura como suplente na equipe. 

Apesar de toda a situação ventilada, o vice-presidente de futebol do Grêmio, Marcos Herrmann, rechaçou qualquer possibilidade no momento do lateral-esquerdo deixar o plantel de Tiago Nunes. Em entrevista coletiva nesta semana, o dirigente foi enfático ao afirmar que não tem nenhum tipo de negociação envolvendo Cortez. 

Publicidade

“Farei minhas às palavras do próprio Cortez: ele não ouviu nada, eu também não. Não sei da onde surgiu esse assunto. Ele é funcionário do clube”, disse o vice de futebol do Imortal.

Publicidade

Em entrevista à Rádio Pachola, o jogador de 34 anos disse não ter conhecimento algum de transação envolvendo sua ida para o Bahia. 

Publicidade

Mesmo não estando lesionado, Cortez tem sido descartado até da lista de relacionados para alguns jogos do Grêmio, fato que aconteceu no embate contra o Grêmio, em que o Tricolor ficou no empate de 2 a 2 em casa. O lateral tem vínculo contratual com o time dos Pampas até dezembro deste ano, e dificilmente terá permanência renovada.

Pela primeira vitória

Buscando o primeiro triunfo no Brasileirão, os comandados de Tiago Nunes encaram o Fortaleza neste domingo (27), às 20h (de Brasília), em Porto Alegre, pela 7ª rodada do certame. Tendo computado um tento em 12 possíveis, o Imortal é a lanterna, mas pode deixar o Z4 ainda nesta rodada. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade