in

Geromel desabafa e não alivia nas críticas à situação do Grêmio: ‘posição incômoda’

O capitão gremista lamentou a atual situação do clube e prometeu empenho da equipe para evitar desastre.

(Lucas Uebel/Grêmio)

O empate entre Grêmio e Fortaleza por 0 a 0 retumbou como gosto de derrota na Arena, palco de mais um tropeço da equipe gaúcha. Com problemas graves na equipe, o Tricolor até teve bons momentos na partida, mas não escapava dos sustos na sua defesa, principalmente após entradas de Lucas Silva, no primeiro tempo, e Paulo Miranda, no segundo.

Publicidade

Com novo tropeço na tabela, o Grêmio segue como o lanterna da competição, somando apenas dois pontos em 15 possíveis. A situação tem tirado a torcida do sério, como também incomodado alguns dos principais ídolos do clube na história recente.

Geromel não poupa em entrevista

O zagueiro Pedro Geromel, tido como um dos principais nomes da equipe e ídolo no clube, não aliviou na autocrítica durante entrevista na saída para o vestiário. O jogador, que já viveu dias de glórias no clube, hoje vê uma equipe diferente, mas prometeu mudança radical por parte dos jogadores do elenco. “Tivemos a dificuldade de ter um jogador a menos desde o início do segundo tempo, mas o time todo lutou“, disse Geromel. “Só assim que vamos sair dessa situação“, reforçou o capitão.

Publicidade

O capitão abriu o jogo e prometeu que a equipe sairá dessa situação difícil, prometendo ao torcedor que o clube irá engrenar e deixará a zona de rebaixamento o mais rápido possível.

Publicidade

Ainda em sua fala, destacou que a entrega não faltará aos jogadores, e prometeu que o grupo trabalhará para conseguir os primeiros três pontos da competição na próxima partida. “É uma posição incômoda. Não queríamos estar nela“, disse o zagueiro ao falar da lanterna da competição, prometendo que o clube sairá dessa.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade