in

Mercado da bola: Corinthians entra na disputa por meia-atacante destaque do Brasileirão; detalhes são expostos

Timão pode travar batalha contra concorrentes nacionais na busca por reforço de peso.

Rodrigo Coca - Ag. Corinthians - Divulgação

Vivenciando um momento de irregularidade e busca pela afirmação na temporada, o Corinthians segue de olho no mercado para viabilizar reforços pontuais ao técnico Sylvinho, com o setor ofensivo sendo a grande prioridade.

Publicidade

Recentemente, o Timão dispensou três atletas, entre eles Jamerson e Otero. Acompanhando o mercado da bola nacional, o clube paulista entrou para a lista dos concorrentes que brigam pela contratação do meia-atacante Nikão, do Athletico Paranaense.

O jogador de 28 anos tem situação indefinida no rubro-negro paranaense acerca de uma possível renovação contratual, e como já está em reta decisiva de vínculo, já pode assinar um pré-contrato com qualquer time. Segundo informações do “GE”, na segunda metade de junho, o atleta foi procurado por Corinthians, São Paulo e Grêmio, mas as tratativas no evoluíram.

Publicidade

Depois destas investidas, o staff de Nikão confirmou ter recebido três propostas oficiais pelo jogador, mas os nomes dos clubes estão sob sigilo, sendo um deles de fora do país.

Publicidade

Referência no comando ofensivo do Athletico, o meia-atacante já declinou de algumas ofertas apresentadas pela diretoria do Furacão visando uma permanência. O objetivo dele é buscar novos rumos, com a possibilidade de atuar fora do país figurando como prioridade. 

Publicidade

Timão de olho

Segundo informações do “GE”, o Timão segue atento à situação do jogador, e deve apresentar um projeto de time forte para a próxima temporada objetivando convencer o meia-atacante. A economia feita nos primeiros meses da gestão do presidente Duílio Monteiro Alves aparece como trunfo. O mandatário ainda não anunciou nenhum reforço de peso, e tem economizado, dispensando atletas, juntamente para angariar bons fundos. 

Nikão tem um perfil que agrada do CIFUT (Centro de Inteligência de Futebol) do Corinthians por desempenhar funções de jogadores que se deram bem no clube. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade