in

Milan tem interesse em ex-joia do Grêmio, que pode receber bolada

Grêmio observa atento o interesse do mercado europeu em sua antiga promessa.

Foto: Rodrigo Fatturi/Grêmio

O Grêmio tem tido sucesso nas suas categorias de base nos últimos anos. Com vendas envolvendo altas cifras, o Tricolor tem se notabilizado por revelações de impacto no futebol brasileiro. 

Publicidade

Um nome, porém, sequer chegou a atuar profissionalmente e já arrumou as malas com destino à Europa, em 2019. O atacante Mateus Cardoso Lemos Martins, mais conhecido como Tetê, chama a atenção desde muito jovem e gerou altas cifras ao clube quando foi vendido ao Shakhtar Donetsk, da Ucrânia.

Na oportunidade, o Grêmio garantiu R$ 42 milhões por 60% dos direitos federativos do jogador, mantendo 15% para uma eventual venda futura, que pode acontecer já nesta janela.

Publicidade

Milan tem interesse em Tetê

Com 21 anos, Tetê é o grande nome atualmente do Shakhtar e gera o interesse de gigantes do futebol europeu. O Milan recentemente voltou a UEFA Champions League e planeja investimentos para disputar o título da competição neste ano.

Publicidade

A informação foi primeiramente apurada pelo jornalista Salvatore Cantone, do Planeta Milan, integrante da equipe do Gazetta dello Sport, da Itália. Mais recentemente, a Radio Rossonera, que cobre de perto o dia a dia Milan, informou que o clube contatou o staff do jogador para se informar sobre qual a margem de negociação que o Shakhtar aceita negociar o jovem ponta-direita. 

Publicidade

Vale destacar que Tetê quer ser negociado e pode facilitar o acordo. Contudo, o que pode dificultar o avanço das tratativas é que o Milan precisará antes decidir o futuro de Samu Castillejo, assediado por clubes espanhóis. Alvo de críticas da torcida, o jogador deve deixar o clube italiano e aguarda propostas.

Publicidade
Publicidade
Publicidade