in

No Grêmio, Victor Ferraz critica decisão da direção e da comissão técnica

Jogador desabafou sobre o momento vivido no clube e contestou decisão da direção.

Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O clima do Grêmio parece piorar a cada dia. Em crise por conta da presença na zona de rebaixamento, o Tricolor precisou tomar decisões importantes para evitar a possível queda para a Série B. Uma delas, liderada por Felipão, foi de diminuir o grupo de jogador para tornar o trabalho mais dinâmico ao longo da semana.

Publicidade

Com isso, jogadores acabaram negociados, outros desceram para o time de transição, enquanto outros treinam em turno inverso ao atual plantel principal da equipe. Um dos nomes afastados, inclusive, desabafou nas redes sociais e criticou a decisão tomada pela diretoria e comissão técnica.

Victor Ferraz critica decisão no Grêmio

O lateral-direito Victor Ferraz, de 33 anos, atualmente treina em separado no Tricolor, por conta de decisão da comissão técnica e acatada pela direção. Junto a ele, o goleiro Paulo Victor e o atacante Éverton Cardoso foram afastados do elenco principal, com o objetivo de reduzir o número de atletas no plantel, um pedido do técnico Felipão. 

Publicidade

A decisão da comissão parece não ter agradado Victor Ferraz, que desabafou em seu Instagram. Após abrir uma caixa de perguntas na rede social, o jogador respondeu a uma pergunta questionando se ele havia se arrependido de jogar no Grêmio. “De forma alguma (me arrependi). Tive grandes momentos aqui no ano passado“, iniciou sua resposta.

Publicidade

Entretanto, ao longo da resposta, o jogador destacou que não ficou satisfeito com o afastamento do grupo principal. “Liderei as assistências na minha posição durante grande parte do ano (…) Na minha opinião, longe de ser um jogador que mereça ser afastado e treinar no período oposto aos meus companheiros“, destacou Victor Ferraz, que aguarda propostas para deixar o Grêmio.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade