in

Grêmio pode ter debandada de até 10 jogadores mirando R$ 106 milhões em vendas

Clube segue empenhado nas transações de novos reforços para o atual elenco.

Digulgação/Lucas Uebel + Instagram oficial do Grêmio

O novo reforço do Grêmio, Miguel Borja, mal chegou ao clube gaúcho e já é cotado para ser titular contra a Chapecoense. A partida é válida pela pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro e acontecerá na próxima segunda-feira (09), em Porto Alegre.

Publicidade

O jogador colombiano chegou ao clube gaúcho por empréstimo junto ao Palmeiras, buscando sanar a carência do setor ofensivo tricolor. Mesmo que a torcida do Grêmio e a diretoria do clube tenham expectativa de receber mais reforços para o elenco, o que tem sido visto é um “debandada” de grande parte do elenco atual.

A recente chegada do novo técnico Luiz Felipe Scolari provoca uma verdadeira reformulação no elenco gaúcho. As mudanças já causaram a saída de cinco jogadores e toda a “baciada” pode contar com até dez vendas.

Publicidade

A primeira saída do elenco foi Paulo Victor que foi anunciado pelo Marítimo (Portugal). O goleiro possuía contrato com o Grêmio até dezembro de 2022 e estima-se que a equipe gaúcha tenha economizado quase 50% com o fechamento do acordo.

Publicidade

Há cerca de 10 dias, o Grêmio anunciou o empréstimo do atacante Guilherme Azevedo ao Coritiba até o final da Série B. Nesta semana, foi a vez de Léo Chú e Pinares encaminharam um desfecho para suas situações. O meia Pinares fechou um acordo com o Altay (Turquia), em transação que deve render US$ 2 milhões (aproximadamente R$ 10 milhões) para o Grêmio.

Publicidade

Já o ponta Léo Chú foi oficializado pelo Seattle Sounders (EUA), em acordo de aproximadamente US$ 2,5 milhões (R$ 12,8 milhões) por 80% do passe do atleta. O time gaúcho ainda irá manter 20% do passe de Léo para vendas futuras.

A imprensa nacional ainda noticiou outros dois contratos de vendas fechados pelo Grêmio. O time do Sassuolo (Itália) fechou com Matheus Henrique e Ruan e deve render aproximadamente R$ 80 milhões aos cofres do clube. Matheus deve desembarcar diretamente na Itália após a disputa pelos Jogos Olímpicos, já Ruan ainda ficará até o fim da temporada.

Além de todos os negócios já encaminhados, ainda existe a possibilidade de o zagueiro Rodrigues ser negociado com o Midtjylland (Dinamarca), que chegou a formalizar proposta de 1 milhão de euros (aproximadamente R$ 6 milhões) pelo jogador. Ainda restam Victor Ferraz e o atacante Everton, que precisam acertar seus futuros com a diretoria do Grêmio

Os dois jogadores estão treinando em turnos diferentes do restante do elenco e analisam algumas propostas para deixar o Grêmio. Além disso, a saída do atacante Ferreira não foi descartada, mesmo que a negociação com o time Atlanta United tenha fracassado na última hora.

Publicidade
Publicidade
Publicidade