in

No Grêmio, Rafinha identifica principal culpado por goleada para o Flamengo

Após a goleada de 4 a 0 para o Flamengo, o Grêmio quer virar a página da Copa do Brasil.

(Lucas Uebel/Grêmio)

A derrota por 4 a 0 para o Flamengo ainda gera desconforto no ambiente interno do Grêmio. Isso porque o placar elástico, construído pelo rubro-negro após um péssimo desempenho do tricolor, culminou numa série de incômodos no clube gaúcho. 

Publicidade

Atualmente na zona de rebaixamento do Brasileirão 2021, o Grêmio precisará girar a chave da competição e tirar os pontos positivos do primeiro jogo contra o Flamengo, sobretudo no primeiro tempo, quando fez frente ao clube carioca e não abriu o placar por um mero detalhe.

Esta foi a visão do lateral-direito Rafinha, líder da equipe, que apontou a postura da equipe como um todo no segundo tempo como o fator responsável pela goleada sofrida em casa. “Cometemos erros infantis no segundo tempo“, apontou o veterano, que reforçou que, em um momento de decisão como o atual na temporada, isso não pode acontecer nunca. O jogador pediu ainda uma “virada de chave” para contornar a situação.

Publicidade

Grêmio joga a toalha e pensa no Brasileirão

Com a derrota por 4 a 0, o Grêmio precisará de pelo menos cinco gols no Maracanã para conseguir a classificação às semifinais da Copa do Brasil. Rafinha, no entanto, reconheceu a imprevisibilidade na decisão do confronto. Em sua postagem, Rafinha foi ainda mais além, afirmando que, por se tratar de uma equipe tão qualificada como o Flamengo, a situação torna-se praticamente impossível. 

Publicidade

Publicidade

Após a provável eliminação na Copa do Brasil, o Grêmio concentrará forças e focará apenas no Brasileirão, com objetivo de não cair para a Série B. Atualmente na 17ª colocação, com 16 pontos, o Tricolor enfrenta o Corinthians neste sábado (28), às 21h, na Arena, precisando vencer.

Publicidade
Publicidade
Publicidade