in

Felipão balança no cargo e relação com líderes do elenco é delicada

Se demitir Felipão, Grêmio terá que colocar auxiliar ou profissional da base no lugar.

Lucas Uebel / Grêmio

O treinador Luiz Felipe Scolari estaria balançando no Grêmio. A informação foi dada pelo jornalista Jorge Nicola, em seu canal no YouTube Felipão chegou ao Grêmio faz pouco tempo, após a demissão de Tiago Nunes, no começo do julho.

Publicidade

Desde então, o treinador veterano acumula sete vitórias, cinco derrotas e dois empates nas 14 partidas em que esteve no comando da equipe gaúcha. Sob o comando de Felipão, o Grêmio foi eliminado na Copa Sul-Americana e corre sério risco na Copa do Brasil.

O Tricolor perdeu o jogo de ida das quartas de final da competição nacional para o Flamengo, em casa, por 4 a 0. É muito difícil que consiga reverter a situação no Estádio do Maracanã. No Campeonato Brasileiro, o Grêmio está na zona de rebaixamento desde o início do torneio. O segundo turno será de luta para sair do Z4.

Publicidade

Segundo Nicola, o relacionamento de Felipão e de seu auxiliar, Paulo Turra, com o elenco não é dos melhores. Felipão chegou ao Grêmio para substituir Tiago Nunes, mas ainda na sombra de Renato Portaluppi. O treinador era muito querido pelo elenco do Tricolor. O estilo boleirão de Renato costuma dar certo com jogadores. No Flamengo, por exemplo, ele mal chegou e já se dá muito bem com o elenco.

Publicidade

Felipão não deve ser demitido

Como o Grêmio já demitiu Tiago Nunes neste Brasileirão, não há possibilidade de mandar Felipão embora e contratar um novo técnico, de acordo com a nova regra da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Se demitir Felipão, o Tricolor terá que ser dirigido por um profissional que já esteja registrado junto à CBF, como um auxiliar ou membro das categorias de base.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!