in

Grêmio tem boas notícias sobre reforços e mudanças devem ser feitas

Durante a pausa para as Eliminatórias, o Grêmio recebeu boas notícias de Borja e Villasanti.

(Lucas Uebel/Grêmio)

O Grêmio teve 14 dias para trabalhar enquanto as Eliminatórias estavam em andamento. Sem uma pré-temporada consolidada na virada de 2020 para 2021, o Tricolor utilizou o tempo de duas semanas para fazer alterações na equipe, providenciar testes e receber boas notícias de jogadores recentemente contratados pelo clube.

Publicidade

Para enfrentar o Ceará e começar o segundo turno com o pé direito, o Grêmio planeja uma maneira de “resetar” o trabalho e assim começar o Brasileirão 2021 do zero. Dessa forma, o técnico Luiz Felipe Scolari providenciou inúmeros testes e trabalhos intensos durante a “mini pré-temporada”. 

Grêmio deve promover mudanças para enfrentar o Ceará

A semana serviu para inúmeros testes promovidos por Felipão. Com o grupo à disposição, o treinador fez algumas variações no esquema, promoveu entradas e saídas e, além disso, buscou formas de enfrentar o segundo tempo das partidas – algo que tem afetado o Tricolor, como nas derrotas para Flamengo e Corinthians. 

Publicidade

Em testes mais recentes, Felipão sacou Vanderson do time titular e promoveu a entrada de Guilherme Guedes na lateral-esquerda. Rafinha, por sua vez, foi para a sua posição de origem. Na zaga, Kannemann e Geromel alternaram com os jovens Rodrigues e Ruan. Já no ataque, Ferreira revezou com Jonatha Robert, que pode aparecer como uma surpresa. 

Publicidade

O possível Grêmio que encarará o Ceará no domingo (12), às 11h na Arena, deve ter: Gabriel Chapecó; Vanderson (Guedes), Geromel, Kannemann (Ruan) e Rafinha; Thiago Santos, Villasanti, Alisson, Campaz e Ferreira (Jonatha Robert); Borja.

Publicidade

Grêmio tem boas notícias após Eliminatórias

Os testes não foram as únicas informações que bombaram internamente no ambiente Tricolor. Os reforços recentemente contratados, Villasanti e Borja, foram destaques pelas seleções de Paraguai e Colômbia, respectivamente. O volante teve uma atuação de gala contra a Venezuela e foi eleito o melhor do jogo. O centroavante também foi apontado como um dos melhores na vitória da Colômbia sobre o Chile por 3 a 1, anotando dois gols na partida.

Publicidade
Publicidade
Publicidade