in

PSG baixa o preço de Neymar, e vem novidade aí

A situação de Neymar poderia ter uma reviravolta nos próximos dias. De acordo com a mídia francesa, o Paris Saint Germain estaria totalmente favorável a negociar o passe do craque brasileiro. De tal maneira que eles até estariam disponíveis para baixar seu preço, para um valor até inferior ao que eles pagaram por ele no Barcelona, dois anos atrás. 

Publicidade

Neymar quer deixar o PSG

Nas últimas semanas, se intensificaram muito os rumores que davam conta de uma insatisfação de Neymar em Paris. O jogador não estaria mais confortável no time e até poderia estar arrependido por ter deixado o Barcelona, em 2017.

Publicidade

O jogador brasileiro, agora com 27 anos de idade, foi um pouco contestado, quando ele resolveu trocar o Barça, onde ele parecia ter tudo e estar feliz, por um novo projeto. Porém, Neymar aceitou um novo desafio, mas as coisas não vêm correndo tão bem quanto ele desejaria.

Publicidade

Por essa razão, até poderia fazer algum sentido sua vontade em regressar no Camp Nou, onde ele ainda reencontraria vários de seus amigos, especialmente Messi e Suárez. No entanto, nos primeiros dias, Neymar encontrou a intransigência do PSG em negociar o seu passe, mas agora, a vontade dos franceses estaria se alterando. 

Publicidade

PSG baixa radicalmente no pedido

Depois de manter por muito tempo uma postura firme e fechada em relação ao preço de Neymar, Nasser Al-Khelaïfi, presidente do PSG, estaria reduzindo radicalmente o valor, para facilitar a saída do jogador. Dos 300 milhões de euros originalmente solicitados, o valor agora seria de 180 milhões, valor ainda muito alto, mas mais acessível sem dúvida, como vem sendo falado também na mídia espanhola. 

Porém, o PSG tem ainda uma exigência: eles querem dinheiro limpo, sem a transferência de qualquer outro jogador como parte do pagamento. Isso pode arruinar os planos do Barcelona, de oferecer Coutinho como parte do pagamento. Porém, os 180 milhões pedidos agora pelo PSG estão bem abaixo dos 222 milhões que o time francês pagou por Neymar, em 2017. 

Diante dessa decisão, Al-Khelaifi espera agora um gesto do seu par catalão, Josep Bartolomeu, para avançar e, eventualmente, fechar os detalhes do passe do astro brasileiro. Os próximos dias poderiam ser decisivos para o futuro de Neymar e também do Barcelona

Publicidade
Publicidade
Publicidade