in

Dybala aproxima novo craque para o Real Madrid; e não é Neymar

O Real Madrid não está nada bem, durante essa pré-temporada. O time não mostra boas indicações e Zidane estaria com um enorme problema entre mãos. O treinador francês não consegue fazer nada com esse elenco e 300 milhões de euros de investimento depois, o time parece muito parecido com o do ano passado. Apenas Hazard vai dando mostras de merecer um lugar, mas parece muito pouco o que esse Real Madrid vai fazendo.

Publicidade

Embora Zidane diga que tudo isso são apenas amistosos, a verdade é que a derrota por 7 a 3 contra o Atlético de Madrid poderia pesar muito no time. Esse golpe foi tremendo para um grupo que fez a história vencendo três Champions League consecutivas. A moral do time está no chão e a única maneira de reverter a situação é com uma mudança de rumo, que precisa acontecer o mais rápido possível.

Publicidade

Parte da solução começa com Dybala

Publicidade

De acordo com o Don Balón, a solução para o Real Madrid pode começar em Dybala, a joia argentina da Juventus. O jogador vai mesmo deixar o time italiano e, ao que parece, ele pode abrir a porta para um craque que o Real Madrid tanto deseja. 

Publicidade

O jogador argentino tem vários interessados, mas estaria mais próximo do Tottenham. Sua chegada no time de Mauricio Pochettino, treinador do Tottenham, poderia mudar muito para os ingleses. Os ‘spurs’ foram uma das surpresas da temporada passada, chegando na final da Champions. 

Dybala libera craque para o Real Madrid

A chegada de Paulo Dybala na Premier League, com o Tottenham, permitiria que Eriksen deixasse o clube sem problemas. O preço do meia dinamarquês seria perto dos 80 milhões de euros. E Zidane vê o craque como uma alternativa se a negociação com Pogba e o Manchester United se tornasse impossível. Por outro lado, Florentino Pérez pensa em Eriksen como uma primeira opção de ótimo nível e preço mais baixo. 

O meio-campo é uma zona de alarme para o Real Madrid e eles já estão se movendo para mudarem essa situação. Toni Kroos e Luka Modric começam a preocupar cada vez mais e seu nível está bem longe do desejado.  

Publicidade
Publicidade
Publicidade