in

Mercado da Bola: para ninguém pagar, PSG cobrou R$ 1,3 bilhão por venda de Neymar

Após as inúmeras tentativas de negociação do Barcelona e do Real Madrid para a contratação de Neymar, o brasileiro deverá mesmo permanecer no Paris Saint Germain por mais um período, e Neymar terá que enfrentar todas as dificuldades junto aos torcedores que já protestaram e pediram a sua saída do clube.

Publicidade

E de acordo com a publicação desta segunda-feira (02), do jornal Le Parisien, os dirigentes do PSG agiram de forma dura e estabeleceram um valor quase ‘impagável’ aos clubes que se interessaram na contratação de Neymar, o jornal disse que a intenção era mesmo dificultar a negociação estabelecendo um valor astronômico pelo jogador.

Presidente Nasser Al-Khelaifi teria estabelecido 300 milhões de euros (algo em torno de R$ 1,3 bilhão) por Neymar

De acordo com o Le Parisien o valor pedido por Neymar foi uma forma de o presidente se vingar de Neymar, pois de acordo com a publicação de hoje, quando o brasileiro disse que desejava sair do clube, houve um grande constrangimento no mandatário, que de forma autoritária, teria estabelecido o valor astronômico pela venda do jogador.

Publicidade

O pedido de saída – feito por Neymar a Leonardo – teria soada entre os dirigentes do PSG como uma ‘humilhação’ e por esse motivo, eles foram inflexíveis na negociação com os interessados e teriam estabelecido um valor similar ao que tiveram quando contrataram Neymar junto ao Barcelona.

Publicidade

Negociação afetou até atletas do PSG 

O clima estabelecido nos bastidores teria afetado até os atletas que teriam sido informados sobre o motivo da ausência de Neymar dos jogos e dos treinamentos junto com outros atletas.

Publicidade

O Le Parisien também afirmou que o valor de venda por Neymar foi feito de forma pensada para que realmente o negócio não fosse fechado, pois os dirigentes sabiam que nenhum clube seria capaz de pagar um valor tão alto por um único jogador.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Rodrigo Monteiro

Um dos primeiros redatores da melhor plataforma de jornalismo independente da internet, a I7 network, já trabalhou em outras plataformas, sempre escrevendo notícias em primeira mão para quem gosta de viver bem informado.
Os principais assuntos do mundo esportivo, do mundo dos famosos e da política estão aqui, com textos leves e interessantes, Rodrigo Monteiro faz parte do grupo de colunistas do Radar Esportes, TV Prime, 1News e I7 News quatro portais de notícias mais populares da internet.