in

Cruzeiro: Rodriguinho é liberado pelo departamento médico e participa de treino com bola

Cruzeiro e Flamengo estiveram em campo neste último sábado, 21 de setembro, em partida válida por mais uma rodada importante do Brasileirão Série A. O confronto aconteceu no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, e terminou com mais uma derrota do time mineiro na competição.

Publicidade

Crise na temporada

O Cruzeiro passa por uma das piores crises de sua história na temporada 2019. O time mineiro foi eliminado da Copa Conmebol Libertadores, o mesmo aconteceu na Copa do Brasil e, como se não bastasse, ainda ocupa uma colocação na temida zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

Comandado pelo técnico Rogério Ceni, o time celeste busca uma reação na temporada para evitar o rebaixamento e aliviar a atual crise que assombra a toca da raposa. Fora das quatro linhas, o Cruzeiro também é investigado pela polícia civil e o desfecho parece estar longe do fim.

Publicidade

Com três derrotas consecutivas em seus últimos compromissos pelo Brasileirão Série A, os comandados do técnico Rogério Ceni se fecham para tentar a reação diante do Ceará, no meio de semana, em partida na Arena Castelão.

Publicidade

Reforço do Cruzeiro na toca da raposa

O meia-atacante Rodriguinho, de 31 anos, foi contratado para ocupar a lacuna deixada após a transferência de Arrascaeta ao Flamengo. O jogador chegou ao Cruzeiro e teve rápida adaptação, sendo decisivo em seus primeiros jogos e sofreu pouco depois com uma grave lesão.

Publicidade

Após quatro meses fora das atividades, Rodriguinho foi liberado pelo departamento médico e está de volta aos treinamentos com bola. A expectativa é de que o jogador possa voltar a atuar no dia 5 de outubro, contra o Internacional, em jogo válido pelo Campeonato Brasileiro.

Publicidade
Publicidade
Publicidade